WhatsApp
selo de 30 anos

Dicas essenciais para voltar ao coworking com conforto e segurança

} 5 minutos de leitura

Início » Blog de Empreendedorismo » Dicas essenciais para voltar ao coworking com conforto e segurança

Com a pandemia da Covid-19 e as recomendações de isolamento social, muitos profissionais e empresas adotaram a modalidade de trabalho home office, como forma de conter o avanço da doença. Mas, a flexibilização permitiu que os ambientes de coworking voltassem a funcionar, porém cumprindo as medidas de segurança e cuidados essenciais.

 

Sendo assim, muitos profissionais autônomos e escritórios se prepararam para sair de casa e voltar à rotina dos escritórios compartilhados. Mas sem a vacina contra a Covid-19, o risco de contaminação ainda é latente.

 

Por isso, é fundamental seguir algumas dicas essenciais para voltar ao coworking com conforto e segurança.

 

O artigo de hoje trata exatamente sobre isso e vai trazer alguns cuidados para tornar a sua volta ao trabalho mais segura, para proteger a sua própria saúde, bem como de amigos e dos entes queridos. Acompanhe a leitura!

1 – Use máscaras

Grande parte das cidades brasileiras adotou o uso obrigatório de máscaras, seguindo as diretrizes dos decretos municipais e estaduais. 

 

De acordo com a ANS (Agência Nacional de Saúde), o acessório é indispensável para evitar a contaminação direta, diminuindo a circulação do vírus.

 

Por isso, mesmo que o seu escritório coworking tenha uma boa ventilação e os colaboradores operem afastados, é imprescindível o uso de máscaras quando estiver fora de casa. 

 

Inclusive, mesmo ao ar livre, onde há grama sintética preço diferenciado, vale a pena utilizar o acessório.

 

É importante reforçar que o uso regular de máscaras também demanda alguns cuidados. Por exemplo, o acessório deve cobrir tanto o nariz quanto a boca, permanecendo na face enquanto o indivíduo falar.

 

O manuseio das máscaras, para colocar e retirar do rosto, deve ser feito apenas pelos elásticos ou atilhos, evitando tocar no tecido, já que é possível se contaminar com o vírus.

2 – Lave as mãos com frequência

A boa higienização continua sendo a arma mais poderosa contra a Covid-19. Por esse motivo, antes mesmo de entrar no coworking, lembre-se de lavar as mãos. 

 

Ao tocar em objetos possivelmente contaminados, use álcool em gel 70% ou faça a limpeza com água e sabão, evitando tocar partes do rosto.

 

Uma recomendação válida para os escritórios compartilhados é deixar sempre um frasco de álcool em gel disponível nas áreas comuns. 

 

Dessa forma, os colaboradores podem limpar as mãos quando tocarem nas portas de aço automáticas, nos botões dos elevadores, ou até mesmo ao cumprimentar outro colega de trabalho.

3 – Higienize os seus acessórios e itens pessoais

Manter a boa higiene dos acessórios, equipamentos e itens pessoais também é uma maneira de evitar a contaminação pelo novo coronavírus. 

 

O ideal é passar um pano embebido de álcool em gel, ou então com algum produto de limpeza desinfetante.

 

É preciso ter um pouco mais de atenção aos equipamentos de uso frequente, como:

 

  • Celulares;
  • Computadores;
  • Maçanetas de portas;
  • Interruptores;
  • Entre outros.

 

Mesmo no coworking, a recomendação é evitar o compartilhamento de acessórios pessoais e, quando necessário, higienizar o artigo antes e depois de usá-lo.

4 – Organize um itinerário de trabalho

Algumas empresas resolveram adotar um itinerário de trabalho mais flexível, distribuindo as atividades dos colaboradores em períodos intercalados, para evitar a aglomeração dentro dos escritórios e coworking.

 

Essa medida foi bastante disseminada nos países asiáticos, onde a pandemia teve início, com bons resultados tanto para a saúde dos colaboradores, quanto para o fluxo produtivo.

 

Para melhor organização, é possível usar um software de gestão empresarial para administrar os horários, sem comprometer a qualidade do trabalho.

5 – Mantenha uma comunicação clara e objetiva

A comunicação é fundamental para a retomada de atividades. Afinal de contas, os gestores precisam orientar os colaboradores sobre as melhores práticas e comportamentos para conter o avanço da doença, principalmente dentro do coworking.

 

O contrário também é válido: as empresas e os líderes devem estar dispostos a ouvir seus funcionários, ainda mais em um cenário de instabilidade. Todos precisam se sentir seguros para que as atividades possam fluir com harmonia no escritório.

 

Além disso, é importante buscar informações em fontes confiáveis, para evitar o alarde e a negligência com os cuidados relativos à higiene, prevenção e proteção contra a Covid-19.

Conclusão

Cuidado é a palavra da vez para a volta das atividades no coworking no cenário de pandemia. 

 

Por esse motivo, a principal dica é se manter protegido, cumprir corretamente as recomendações dos órgãos oficiais de saúde, além de priorizar a segurança (com a higienização frequente e o uso de máscaras).

 

Desse modo, a volta ao coworking será muito mais confortável para todos e ainda será possível controlar o avanço da doença no país.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Conteúdos Exclusivos

Sala de Reunião

Por R$ 55,00 por hora, conheça a nossa Sala de Reunião.

Atendimento ao Cliente

Na maior parte das vezes o caminho é balancear as duas táticas.